ONU critica política de combate às drogas na Cracolândia

FOTO: REPRODUÇÃO/GLOBONEWS

Relatores da Organização das Nações Unidas (ONU) denunciaram as políticas de combate às drogas na região da Cracolândia, em São Paulo, e alertam que a estratégia é “discriminatória, já que de fato vai contra aqueles que vivem em situação de pobreza e exclusão social”.

O documento foi enviado ao governo brasileiro em 28 de agosto de 2017 e dava 60 dias para que uma resposta fosse apresentada. Mas nenhuma comunicação foi transmitida pelo governo aos representantes da ONU. Nesta quarta-feira, 21, a entidade colocou a carta enviada ao governo em seu site, para dar visibilidade.

Pelas regras da ONU, é o Brasil quem faz parte da instituição, e não governos locais ou estaduais. Portanto, cabe ao governo federal se posicionar. Tradicionalmente, o governo federal encaminha a queixa para a cidade ou o Estado implicado, na esperança de obter uma resposta.

Clique aqui para saber mais sobre as críticas da ONU sobre a Cracolândia. Mais abaixo, veja o texto em inglês.

Compartilhe
2018-02-22T15:50:57-03:00